O paraíso perdido de Punta del Diablo


Punta del Diablo é desde os anos 60 o paraíso hippie do Uruguai. Outrora uma pequena vila pesqueira, foi crescendo mas nunca perdeu o carisma. Os mochileiros que procuram as praias da costa de Rocha chegam aqui todos os dias e param numa das estradas de terra batida do centro da vila. Popular entre os viajantes brasileiros e argentinos, Punta del Diablo atrai cada vez mais europeus à medida que a sua fama vai cruzando fronteiras.
O turismo de massa está longe de chegar aqui. Nao há hotéis ou qualquer edifício em altura. As estradas não são asfaltadas e as estruturas de apoio aos viajantes são mínimas. No entanto, as praias enchem-se de surfistas e banhistas, a sua maioria de mate na mão. Percorro as praias, o cabo e as dunas. Aproveito para descansar na praia, assim como outras centenas de viajantes, e ler um bom livro.
Alojo-me no Unplugged Hostel. Para além de pagar uma fortuna pelo quarto (quase 20€ o dormitório) ainda fico sem a pouca comida que coloquei no frigorífico... desapareceu! Com o dinheiro minuciosamente contado, Punta del Diablo foi um "golpe" no orçamento.
Passo a noite na conversa com outros viajantes: um espanhol, um australiano, uma holandesa e um argentino. Tudo "boa onda"! Partilhamos experiências de viagem e episódios caricatos. Rimos e deixamos o tempo fluir em Punta del Diablo.


Etiquetas: