Encarnação - uma visita relâmpago

Depois de visitar Assunção durante quase dois dias, apanhei um autocarro de manhã bem cedo com destino a Encarnação. Apesar das duas cidades estarem separadas por apenas 365 km, a viagem demora mais de 6 horas. Encarnação é uma cidade bastante pequena e com um ambiente tranquilo e muito relaxado. Foi o meu "campo base" para explorar as ruínas jesuitas do interior do país.
Quando chego a Encarnação, Pony, o meu "host" vem-me buscar ao terminal. Pony é engenheiro civil e está a construir a "Costanera", a marginal do rio Paraná. Alojo-me numa vivenda em frente ao rio. Parece que estou longe do mundo que conheci em Assunção. Parece que saí do Paraguai. No entanto, tal não aconteceu.
Pony e os seus dois amigos dividem uma casa e fazem parte da classe privilegiada do país. Em casa têm vários quartos vazios que oferecem aos viajantes de couchsurfing. Com mesa de bilhar, sofás e tv por cabo, aproveito para relaxar durante estes dias.

Etiquetas: