Seguindo os Passos de Jesus - Anunciação e Natividade

"O anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galileia chamada Nazaré, a uma virgem desposada com um homem chamado José, da casa de David, e o nome da virgem era Maria. Ao entrar em casa dela, o anjo disse-lhe: «Salvé, ó cheia de graça, o Senhor está contigo.» Ao ouvir estas palavras, ela perturbou-se e inquiria de si própria o que significava tal saudação. Disse-lhe o anjo: «Não tenhas receio, Maria, pois achaste graça diante de Deus. Hás-de conceber no teu seio e dar à luz um filho, ao qual porás o nome de Jesus. Será grande e chamar-Se-á Filho do Altíssimo. O Senhor Deus dar-Lhe-á o trono de seu pai David, reinará eternamente sobre a casa de Jacob e o seu reinado não terá fim.»" Lucas 1, 26-33

Nazaré, Igreja da Anunciação.
Igreja de S. Jorge, Nazaré.
Interior da Igreja da Anunciação, na Nazaré.
"Também José, deixando a cidade de Nazaré, na Galileia, subiu até à Judeia, à cidade de David, chamada Belém, por ser da casa e linhagem de David, a fim de recensear-se com Maria, sua mulher, que se encontrava grávida. E quando eles ali se encontravam, completaram-se os dias de ela dar à luz e teve o seu filho primogénito, que envolveu em panos e recostou numa manjedoura, por não haver para eles lugar na hospedaria. Na mesma região, encontravam-se uns pastores, que pernoitavam nos campos, guardando os seus rebanhos durante a noite. O anjo do Senhor apareceu-lhes, e a glória do Senhor refulgiu em volta deles, e tiveram muito medo. Disse-lhes o anjo: «Não temais, pois vos anuncio uma grande alegria, que o será para todo o povo: Hoje, na cidade de David, nasceu-vos um Salvador, que é o Messias do Senhor. Isto vos servirá de sinal para o identificardes: encontrareis um Menino envolto em panos e deitado numa manjedoura.» De repente, juntou-se ao anjo uma multidão do exército celeste, louvando a Deus e dizendo: «Glória a Deus nas alturas e paz na Terra aos homens do seu agrado.»" Lucas 2, 4
 
Belém, Igreja da Natividade.
Entrada na Igreja da Natividade (a porta em miniatura destinava-se a proteger o local dos salteadores). 
Interior da Gruta da Natividade, em Belém.
Estrela no chão da Gruta da Natividade que marca o local onde Cristo terá nascido.
 Sheperd's Fields
 "E Jesus crescia em sabedoria, em estatura e em graça, diante de Deus e dos homens. [...] Veio a Nazaré, onde Se tinha criado. Segundo o Seu costume, entrou em dia de Sábado na sinagoga e levantou-se para ler. Entregaram-lhe o livro do profeta Isaías e, desenrolando-o, deparou-se-Lhe a passagem em que está escrito: O Espírito do Senhor está sobre Mim, porque Me ungiu para anunciar a Boa Nova aos pobres; enviou-Me a proclamar a libertação dos cativos e, aos cegos, o recobrar da vista; a mandar em liberdade os oprimidos a proclamar um ano de graça do Senhor. Depois enrolou o livro, entregou-o ao empregado e sentou-se. Todos os que estavam na sinagoga tinham os olhos cravados n'Ele. Começou então a dizer-lhes «Cumpriu-se hoje esta passagem da Escritura, que acabais de ouvir.»" Lucas 2, 52; 4, 16-21

Ruas de Nazaré
Sinagoga em Nazaré

Etiquetas: