Medina de Fez


Fez, a semelhanca de todas as cidades arabes tem uma medina. As medinas marroquinas apresentam, na sua maioria, uma disposicao semelhante, com um denso emaranhado de ruas e becos. A medina, que em arabe significa cidade, parece um labirinto e percorre-la pode ser uma autentica aventura.

A primeira vista, a medina parece um caos mas quando a olhamos com mais pormenor comecamos a perceber o seu funcionamento. O ponto central e ocupado pela mesquita principal e bem proximo uma medersa. As medersas sao escolas islamicas onde se apendia o alcorao, funcionando em regime de internato. Em Fez nao nos foi permitido entrar em qualquer mesquita, ja que estao fechadas a nao muculmanos. No entanto, visitamos varias medersas, nomeadamente a Al-Attarine e a Buo Inania. Estes locais sao fabulosos e duma riqueza arquitectonica incrivel.
As medinas estao organizadas por Souks, locais onde os artesaos trabalham e expoem os seus produtos para venda. Cada Souk esta numa determinada area da medina e os mais importantes situam-se mais proximos da mesquita. Sendo assim, a distribuicao dos artesaos reflecte uma hierarquia social e economica.

Todas as medinas sao rodeadas por fortes muralhas que protegem a cidade e conferem-lhe um ar medieval. A medina de Fez estava praticamente voltada ao abandono mas um programa da UNESCO e a sua elevacao a patrimonio mundial da humanidade revitalizou toda a area e tornou-a num dos locais mais visitados em Marrocos.

Etiquetas: ,